segunda-feira, 30 de novembro de 2020

M-PeX - Nebulae



[EN] The tracks on this record were composed in a free experimentation context and improvisation with the portuguese guitar acoustic and transformed sound, using several effects pedals. Sound by M-PeX. Artwork by Marco Madruga.

[PT] Os temas deste disco foram compostos num contexto de experimentacao livre e improvisacao extensivel da sonoridade acustica e alterada da guitarra portuguesa, fazendo uso de varios pedais de efeitos. Temas compostos por M-PeX. Grafismo de Marco Madruga.



Download from archive.scene.org
Download from archive.org
Play from jamendo.com
Play from bandcamp.com
Play from soundcloud.com
Play from YouTube

segunda-feira, 2 de novembro de 2020

[mi276] : ELMA - Liar


[PT] Da cidade de Tottori chega-nos ELMA, um nome do japnoise com uma discografia imensa. Liar é um álbum de apenas uma faixa com vários tipos de ruído produzidos por instrumentos musicais não convencionais que se misturam com a aleatoriadade dos sons criados pelos sinais electrónicos.

Música para ouvidos calejados, aborrecidos de facilitismos sonoros, que procuram a tentação dum árido e tortuoso trilho, a desembocar num local estranho.

[UK] Tottori's ELMA is a prolific Japanoise artist with dozens of releases under his discography. Liar is an one track album full of distortion, various types of acoustically or electronically generated noise, randomly produced electronic signals, and non-traditional musical instruments.

Music for hardened ears, bored with the easiness of music, who look for the temptation of an arid devious path, leading to a strange place.

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

[mi275] : Hzk - New Order World


[PT] Para quem não conhece Hzk este é o disco certo para clicarem no play. Impossível ouvi-lo baixinho! Noise em que as ondas elétricas do nosso cérebro ficam automaticamente conectadas com New Order World. Sim, é a isso que assistimos se nos mantivermos atentos.

Uma Nova Ordem Mundial pelas mãos de Hzk. Os sentidos baralhados, uma sensação de reordenação do espaço e do tempo. Ora sobes, ora desces a escadaria da mente atribulada.

Diretamente do Japão para a MiMi Records um disco que te remexe as entranhas. Poderíamos dizer-te para te sentares e te deixares viajar entre belas paisagens, mas estaríamos a mentir. Senta-te e viaja ao underground, ao teu eu mais pesado, às confusões da tua mente e deixa que Hzk te reorganize! Começa pela superfície e deixa-te descer ao submundo.

[UK] For those who do not know Hzk this is the right record to click on play. Impossible to hear him quietly! Noise where our electrical brain waves are automatically connected with New Order World. Yes, that's what we see if we keep our attention high.

A New Order World by the hands of Hzk. The shuffled senses, the sense of reordering space and time. Sometimes you go up, sometimes you go down the stairs of your troubled mind.

Directly from Japan to MiMi Records a record that moves our guts. We could tell you to sit down and let you travel between beautiful landscapes, but we would be lying. Sit down and travel underground, your heavier self, the confusions of your mind and let Hzk rearrange you! Start at the surface and let yourself go down to the underworld.

terça-feira, 29 de setembro de 2020

[mi274] : Sphere² - Flow


[PT] A produzir desde 2017, Sphere² foca a sua música em vários géneros musicais, desde a Electrónica / IDM até ao Ambient. A estreia de Sphere² na MiMi Records traz-nos da Terra do Sol Nascente, uma electrónica melódica cheia de harmonias encantadoras e de divertidas seriedades. Este EP de 4 faixas contém temas de ritmo lento que andam de mãos dadas com batidas cheias de ritmo.

Sphere² vem de uma nova geração de música electrónica inovadora e prevê-se que o seu futuro seja auspicioso. Um disco para ouvir bem alto e nos deixar ir com o FLOW.

[UK] Sphere² has been producing music since 2017, focusing on various music genres, from Electronica / IDM to Ambient. With his debut, Sphere² introduces us to his amazing melodic electronics, lovely harmonics and playful seriousness. From the Land of The Rising Sun to like-minded listeners. This 4-track EP contains slow-paced tracks that go hand in hand with some rhythmic beats.

Sphere² hails from a new generation of innovative electronic music - a masked artist, whose activities should be anticipated in the near future, from his home natition. So play it out loud and go with the FLOW.

domingo, 13 de setembro de 2020

[mi273] : Shinpal - Texture


[PT] Shinpal é um itinerário musical e emocional que leva à interpretação de sons. A melancolia monocromática alterna com espaços meditativos, entre densidade e rarefação. Sons esculpidos, texturas sonoras, ritmos discretos; lugares virtuais que se tornam íntimos, familiares, etéreos e vibrante.

Estes quatro temas brincam com imagens, que apresentam visões de espaços externos e lugares internos, e que merecem ser investigados com um novo ponto de vista. O resto deve ser descoberto...

[UK] Shinpal is a musical and emotional itinerary that leads to the interpretation of sounds. Monocromatic melancholy alternate with meditative spaces, between density and rarefaction. Sculpted and texture sounds, noises, discreet rhythms; virtual places that become intimate, familiar; ethereal and vibrant.

These four tracks plays on images, which presents visions of external spaces and internal places, to be investigated with a new point of view. The rest must be discovered ...

domingo, 30 de agosto de 2020

[mi272] : Yoko Imamura - Imaginary World


[PT]
Yoko Imamura mora em Quioto e sempre teve um amor profundo pelo piano. A sua base musical é a música clássica, mas sempre se interessou em ouvir outros géneros musicais.

O álbum contém sete temas de piano todos eles instrumentais, com uma sonoridade suave e melódica que parecem ter sido escritos para que possamos saborear a beleza de uma composição não muito densa.

Este "Imaginary World" foi criado para ser ouvido nas noites calmas ou nas manhãs de domingo. Um passeio musical bastante conformável e relaxante da primeira à última faixa.

[UK] Yoko Imamura lives in Kyoto and she always had a deep love for Piano. The basis of her music is classical music, but she also likes various genres of music.

The album contains seven tracks of soft, melodic piano instrumentals that sound like they were written so listeners could the beauty of a not too densely written piano composition.

This "Imaginary World" was created for something which can be played on quiet evenings or sunday mornings, knowing that it will be a comfortable ride until the last track has passed.

terça-feira, 18 de agosto de 2020

[mi271] : catapulta & svayam - De onde vem o Eco


[PT] Um dos aspectos mais marcantes das explorações filosóficas de Arthur Schopenhauer prende-se com a profunda reverência do autor para com o pensamento hindu e budista, na medida em que ambas as tradições apresentavam uma saída possível para a questão que ocupou grande parte do seu trabalho: o sofrimento.

A colaboração entre Catapulta e Svayam procura diluir a ideia duma resposta no próprio exercício contemplativo. As sombras, são, de resto, parte fundamental da viagem febril da colaboração. A síntese entre sons milenares e um beat replica um processo de exploração e reinvenção não-tradicional que é a resposta a qualquer tipo de aberração que se convencionou chamar apropriação cultural.

De Onde Vem O Eco procura ir além de qualquer tipo de fusão que se limite a juntar mundos opostos. Pelo contrário, encontra na universalidade das inquietações humanas o terreno (in)fértil para caminhar.

[UK]
One of the most striking aspects of Arthur Schopenhauer's philosophical explorations is the author's deep respect for Hindu and Buddhist thought, as both traditions present address an issue that occupied a large portion of his work: suffering.

The collaboration between Catapulta and Svayam seeks to dilute any answer in the contemplative exercise itself. Shadows are, moreover, a fundamental part of the feverish journey of this dialogue. The synthesis between millenary sounds and a beat replicates a process of non-traditional exploration and reinvention that is the answer to any type of aberration that was conventionally called cultural appropriation.

Donde Vem o Eco goes beyond any kind of fusion that limits itself to joining opposite worlds. On the contrary, it finds in the universality of human concerns the (un)fertile ground for walking.

segunda-feira, 17 de agosto de 2020

M-PeX - Deus, o criado de Camus



[EN] Cinematic ambient sounds by M-PeX, mostly composed with digital manipulations of his Portuguese Guitar. All tracks from this album were composed as original soundtrack for the theater play titled Deus, o criado de Camus (production by Gato que Ladra, text by Afonso Cruz and staging by Rute Rocha, 2014). Artwork by Marco Madruga.

[PT] Sons cinemáticos de M-PeX, maioritariamente compostos com manipulações digitais do som da guitarra portuguesa. Todos os temas deste disco foram compostos para a banda sonora original da peça de teatro Deus, o criado de Camus (producao de Gato que Ladra, texto de Afonso Cruz e encenacao de Rute Rocha, 2014). Grafismo de Marco Madruga.



Download from archive.org
Play from jamendo.com
Play from bandcamp.com
Play from soundcloud.com
Play from YouTube

sábado, 15 de agosto de 2020

[mi270] : Poros - fio


[PT]
Fio as imagens que se tornaram sons
Fio as imagens que se tornaram vídeos
Fio as imagens que se tornaram imagens


[UK]
Fio the images that have become sounds
Fio the images that have become videos
Fio the images that have become images